Corpo


José Ângelo Gaiarsa

     
 

      O corpo - esse desconhecido
      Enquanto nossa inteligência de Civilizados tem 10.000 anos de existência, nosso corpo é o de um…animal que ja está por aqui ha 2 milhões de anos…Não seria bom conhecê-lo mais de perto? Quem sabe ele tem o que nos ensinar...

      Como dar vida ao corpo
      Não morremos de velhice nem de doenças. Morremos pela monotonia de vida que mal usa 5% de nossa versatilidade de movimentos; e vivemos falando – o que nos sufoca. Faremos o corpo se mexer de mil maneiras e respirar o tempo todo. Os participantes poderão sentir o que palavras jamais dirão. (esse trecho faz parte do preâmbulo de uma palestra que ele ministrou).

      PELE COM PELE!
      CONTATO MESMO? SÓ PELE COM PELE!
      Como eu já disse, com palavras apenas o contato é mínimo. Com o olhar, ele aumenta bastante. Mas o contato real se faz pele com pele (penso cá comigo: com-tato só pode ser feito pelo tato) ... então me dê um abraço de despedida e sinta seu coração bater junto ao meu... só isso, e silêncio.

      Palavras, Palavras, Palavras...
      O pecado maior de todas as psicologias, embora eu não possa dizer que conheço todas, é que ignoram a relação do olhar, que as pessoas têm um corpo e que esse animal tem 2 milhões de anos. Por isso, a humanidade está se perdendo, por causa das palavras.

 
 
 

Autor:
José Ângelo Gaiarsa